Câmara de Colombo aprova Moção de Apoio às entidades sindicais do Paraná, contra o “decreto antissindical” do governador

Vereador Anderson Prego propõe Moção de Apoio às entidades defensoras do serviço público paranaense.
5 de março de 2020
Anderson Prego solicita distribuição de Kits de higiene para combate ao coronavírus em todos os departamentos da Prefeitura Municipal de Colombo.
13 de março de 2020
Exibir tudo

O Vereador Anderson Prego (PT) propôs a Moção de Apoio à mobilização da APP Sindicato dos Trabalhadores em Educação pública do Paraná e demais sindicatos e associações de servidoras/es públicas/os civis e militares do estado do Paraná, que busca a revogação do decreto 3808/20 (alterado recentemente pelo 3978), o chamado “decreto antissindical”.

O vereador Anderson Prego, do município de Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba, apresentou moção de apoio à APP Sindicato dos Trabalhadores em Educação pública do Paraná e demais sindicatos e associações de servidoras/es públicas/os civis e militares do estado do Paraná, contra os ataques do governo Ratinho Junior. A moção foi para discussão na Câmara Municipal de Colombo, no dia 10/03 do corrente ano e foi aprovada por 15 votos favoráveis e um voto contrário. No documento, o parlamentar apresenta que o governo burocratiza autorização de descontos da mensalidade sindical e das associações, consignados em folha de pagamento e critica o decreto antissindical, que tem o objetivo de enfraquecer a luta das categorias do serviço público.

Veja o conteúdo completo da Moção

“CÓDIGO ID: 10346

DATA PRÉ-PROTOCOLO: 03/03/2020

HORA PRÉ-PROTOCOLO: 14:42:49

AUTOR: Anderson Ferreira da Silva

TIPO DE PROPOSIÇÃO: Moção

DESTINATÁRIO: APP Sindicato dos Trabalhadores em Educação pública do Paraná

 

ASSUNTO

Requeiro nos termos regimentais, que seja encaminhada Moção de apoio à APP Sindicato dos Trabalhadores em Educação pública do Paraná e demais sindicatos e associações de servidoras/es públicas/os civis e militares do estado do Paraná.

A Câmara Municipal de Colombo declara apoio às entidades sindicais e associações das/os servidoras/es públicas/os civis e militares do estado do Paraná diante da medida tomada pelo Governador Ratinho Jr (PSD) que, por meio do Decreto 3808/2020, obriga as(os) servidoras(es), em atividade e aposentadas(os), a cumprirem uma série de procedimentos burocráticos para confirmar a autorização de descontos da mensalidade sindical e das associações, consignados em folha de pagamento. Essa medida tem por objetivo atacar o funcionamento das organizações e impedir o acesso aos serviços prestados e, principalmente, enfraquecer a representação e a luta das/os trabalhadoras/es para manter os direitos trabalhistas já garantidos em lei e impedir por novos direitos. Ao obrigar que cada funcionária(o), após realizar procedimentos pela internet, leve o documento impresso, pessoalmente ou através de procuração em uma repartição do Estado, o governo dificulta a manutenção dos descontos. Quem não ficar sabendo da exigência, não tiver condições de locomoção e/ou perder o prazo, será desvinculado dos sindicatos ou das associações automaticamente. Essa medida tomada pelo governo é ilegal. Ela representa uma ingerência do patrão às organizações das/os trabalhadoras/es. Por entender que uma democracia somente se constrói com respeito aos direitos individuais e à liberdade de organização, essa Câmara Municipal declara apoio à APP-Sindicato, aos demais sindicatos e associações e se soma à luta pela revogação do Decreto 3808/20.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *