Conselho de Meio Ambiente visita área destinada a construção de novo parque Ecológico.

4ª Conferência Nacional de Políticas para as Mulheres será em março de 2016
6 de abril de 2015
Aprovado projeto que denomina a via pública situada no Jardim monza de Travessa Rafael Buzatto
9 de abril de 2015
Exibir tudo

A assessoria do Mandato Popular Participativo Vereador Anderson Prego esteve presente, na manhã desta terça-feira (07 de abril), na reunião ordinária do Conselho Municipal de Meio Ambiente de Colombo – CONMACO, realizada nas dependências da antiga Associação Banestado, no bairro São Gabriel.

De acordo com o secretário municipal de meio ambiente, Evandro Busato, estão sendo tomadas providências para que seja construído, na área ao lado das novas dependências do Instituto Federal do Paraná – IFPR, um parque com conceito ecológico, que viabilize vivências de atividade física e lazer junto à área verde. A área total do futuro parque contará com um total de 66 mil m² e será apresentado ao gabinete da prefeita ainda nas próximas semanas, um projeto de adequação dos espaços para contemplar, além dos espaços para atividade física e lazer, setores referentes ao esporte e cultura do município.

Na pauta da reunião do CONMACO também foi abordado o tema Educação Ambiental e as ações previstas para o município. Conforme apresentou a professora Dalva Simone Strapasson Dias, que é mestre em educação, será resgatado o projeto “Cidadão Ambiental Mirim”, o qual foi executado em 2012, com o objetivo de inserir no ambiente formal de ensino, incentivos e práticas pedagógicas que favoreçam a adoção de atitudes de respeito, cuidado com o meio ambiente, responsabilidade com o próprio lixo e demais conceitos ambientais.

De acordo com Dalva, o projeto resgata a necessidade de oferecer formação continuada dos professores municipais. “Para tanto, o trabalho em conjunto entre secretaria de meio ambiente e secretaria de educação é fundamental para o desenvolvimento de pesquisas e produção de materiais para essa formação”, finaliza.

Sobre as ações de educação ambiental previstas para 2015 e 2016, o secretário afirmou que em breve será divulgado um calendário de atividades e encerrou a reunião informando que a lei de Educação
Ambiental, a lei do Conselho e do Fundo do Meio Ambiente e a lei que trata da limpeza de terrenos no município, essas três amplamente debatidas e elaboradas pelo Conselho, estarão ainda este mês sendo encaminhadas para a Câmara Municipal, para discussão e aprovação dos vereadores.

 

07/04/2015

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *