Mandato do Vereador Anderson Prego realiza prestação de contas no bairro Santa Terezinha II

Taxa de homicídios de negros cresce 9% em cinco anos
13 de julho de 2013
Morte prematura de jovens custa R$ 79 bilhões por ano
16 de julho de 2013
Exibir tudo

Na noite de hoje (13), o vereador Anderson Prego realizou a prestação de contas do mandato popular participativo. Cerca de 30 pessoas participaram da reunião, que possibilitou mostrar com transparência a atuação do mandato. Apresentou aos presentes às ações na Câmara, posicionamentos e a limitação da atribuição do vereador. Apresentou também as proposições do mandato como os projetos de leis, indicações, requerimentos, ofícios, as aprendizagens e as causas que defendeu nesses primeiros 6 (seis) meses. O encontro aconteceu em uma das dependências da Igreja São Judas Tadeu, na Avenida Madre Paulina, 815 – Jardim Santa Terezinha II.

É importante compreender o que um vereador pode fazer e até onde é sua atribuição. Nesse sentido, iniciou apresentando sobre o trabalho de legislador, fiscalizador e como desenvolveu suas funções diariamente ao longo desses meses. Neste semestre o legislador propôs dezenas de indicações. Este mecanismo é um instrumento para apresentar as demandas e solicitar novas propostas, mas sem obrigatoriedade do executivo atender tais solicitações. Apresentou indicações que vão desde a implantação da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente, integração do Terminal do Roça Grande, passando por reforma do Pró criando Alto da Cruz, fortalecimento da biblioteca municipal, com atualização do acervo bibliográfico, até a criação do ponto da Cultura em alguns bairros do município.

Anderson Prego propôs 7 (sete) projetos de lei neste primeiro semestre. Lamentou que nenhum tenha ido a votação no plenário. Legislou sobre Políticas Públicas para as Juventudes, combate ao trabalho infantil, “Creche” dos idosos, envelhecimento saudável e ativo, urna do Povo e a mudança do horário das sessões Ordinárias da Câmara.

As ações, as causas defendidas, as proposições de leis e o contato permanente com a população, desenvolvidos pelo vereador reforçaram seu posicionamento desde o início da legislatura. Anderson Prego, que não é da base aliada da prefeita, tem tido postura de equilíbrio, onde defende suas convicções, faz cobranças no que precisa ser feito, tudo isso com respeito a todos do poder publico, seja executivo ou legislativo. “Acredito que é preciso respeitar para ser respeitado. É necessário ter relacionamento de respeito com todos, mas isso sem perder o foco da atuação da vereança que é legislar, fiscalizar e propor solução aos problemas enfrentados por toda a população”, afirma.

O vereador finalizou agradecendo a compreensão de todos que o apoiam nesta caminhada e se colocou a disposição para juntos desenvolver um mandato popular participativo.

“Agradeço a todos por termos construídos juntos os seis meses de mandato. O desafio é muito grande, mas outro mundo é possível, precisamos fazer. Recebo questionamentos e proposições de todos os tipos. Algumas são demandas que só dependem de mim, então são mais fáceis. Muitas outras dependem de um conjunto de pessoas e órgãos e, é preciso convencer a todos sobre a importância destas ações e somente após isto serão realizadas. Sabemos das dificuldades, mas passamos pelos primeiros seis meses de trabalho e, reafirmamos o compromisso com as causas do povo e sendo muito otimista do alcance das muitas conquistas”, finalizou.

14/07/2013

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *