Vereador Anderson Prego vota contra a LDO por não haver transparência

Projeto para redução de jornada de trabalho para servidores responsáveis por pessoas com deficiência
2 de junho de 2015
Vereador Anderson Prego luta para reduzir o número de vereadores em Colombo
23 de junho de 2015
Exibir tudo

Tivemos no dia 23/06/15 a votação do Projeto de Lei, que Dispõe sobre as Diretrizes Orçamentárias do Município de Colombo para o exercício financeiro de 2016, e dá outras providências.

Votei CONTRARIO a esta matéria, por não haver transparência e por acreditar que precisamos garantir a participação popular nas ações da prefeitura e que os vereadores precisam saber quais serão as obras e as benfeitorias que serão realizadas no município e assim intervir para ajudar nas prioridades. Da forma que o projeto veio para a casa, não demostra os locais das obras e nem especificam as prioridades.

A Câmara de vereadores de Colombo, precisa superar a forma como vem se comportando, não podemos ser apenas homologadores das proposições que a prefeitura manda. Precisamos LER, intervir, ANALISAR e PROPOR MELHORIAS em todas as leis que a prefeitura propõem.

Não raro vejo vereadores votando leis que não leram. Aí pergunto como pode saber se é boa ou ruim para a população colombense? Isso é o mínimo que precisamos fazer.

 

A votação foi a seguinte:

Votaram CONTRA Projeto de Lei do Executivo N° de 2015 os seguintes vereadores: 1 – Anderson Prego, 2 – Micheli Mocelin, 3 – Helio Feitosa, 4 – Renato Lunardon e 5 – Allan tattoo.

Votaram A FAVOR do Projeto de Lei do Executivo N° de 2015 os seguintes vereadores:. 1 – Sergio Pinheiro, 2 – Pele, 3 – Ratinho, 4 – Sidinei Campos, 5 – Marquinhos berlesi, 6 – Doliria Strapasson, 7 – Luiz do LD, 8 – Nivaldo JNP, 9 –  Pastor Antonio 10 – Wagner da Viação, 11 – Clodoaldo Camargo, 12 – Eurico Dino, 13 – Renato da Farmacia e 14 – Gil Gera .

Professor Waldirlei Não vota por ser o presidente, votaria somente em caso de empate, como voto de minerva.

 

O vereador Oliveira da Ambulância, não esteve na sessão e teve sua falta justificada.

 

23/06/2015

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *